Vem!

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Receitas X Despesas



Olá leitoras do querido Blog da Lígia, a Mulher da minha vida.
É, já devem ter percebido de quem vos fala é o Marcelo, esposo dela.
Vim aqui ajudar ela a cumprir o que lhes prometeram, um post meu sobre Controle das despesas.
Forrmado e Pós Graduado Administração, criei uma planilha no Excel para controle das despesas, mas antes de baixarem ela, peço que leiam o Post com atenção e desde já me coloco a disposição para quaisquer dúvida ou mesmo sugestões ok?

Como estão suas contas?
Você tem dinheiro guardado?
Você está preparado para uma emergência?


É, imagino que para alguma das perguntas acima, uma resposta poderá ser negativa (não necessariamente), mas o fato é que não é fácil controlar o orçamento principalmente quando se trata de uma família onde os compromissos são maiores como: filhos, escola, vestuário, plano de saúde, alimentação, lazer e quem sabe ainda aluguel, condomínio, IPVA e outros “monstros” para o orçamento.

Mas será que o fato se agrava quando se trata de família?
Eu digo que não. Particularmente conheço Pais de família e pessoas solteiras que tem históricos bem diferentes.
Conheço pessoas solteiras que moram com os Pais onde estes “não tem onde gastar” e ainda assim conseguem a proeza de “estourar” o orçamento, por outro lado conheço Pais, chefe de famílias, que levam uma vida corrida pelos filhos/esposa e todos os compromissos de uma família e ainda assim, conseguem fazer viagens, investimentos e curtir a vida sem dívidas.
Então onde está o problema?
Acredito friamente que tudo depende de quem e principalmente como gerencia esse orçamento, pois é por meio deste que as coisas podem ir de mal a pior ou no caminho inverso.
Digo que para um orçamento controlado não precisa ser um especialista em Economia ou mesmo em Administração, aliás, é bem aí que se encontra o ápice do problema, num geral, se pensa que sim, mas vou citar um exemplo mostrando que formação não é regra de controle orçamental.
Por exemplo, se você ganha R$ 500,00 o porquê você desfruta de R$ 600,00 deste mesmo orçamento? Primeiro que matematicamente isso é impossível e segundo que automaticamente está “estrangulando” seu orçamento e assim enviando-o para o déficit.
Se partir do simples princípio (que deveria ser básico) de quem não pode gastar mais do que ganha, sua vida financeira seria certamente diferente.
Com toda certeza aí que está o problema da sua matemática e que te leva ao vermelho.
Bem, procure refletir e entender aquela música: “dinheiro na mão é vendaval”.
Não estou aqui para dizer em que e como gastar seu dinheiro, também porque ele é seu, mas somente como dica, procure gerenciar melhor suas finanças.

Abaixo, cito alguns conselhos:

-Organize e se necessário reorganize seu orçamento na questão Receitas X Despesas;

-Planeje seu orçamento no mínimo de 06 em 06 meses;

-Dentro desse planejamento tente reservar entre 5% a 10% do orçamento geral para emergências (se não acontecerem poderá usá-las para o próximo conselho);

-Na medida do possível tente poupar uma quantia (mesmo pequena) numa conta investimento, bolsa de valores, cofrinho, ou mesmo na poupança que, aliás, no ano passado (2009) rendeu muito mais do que muitos investimentos, cerca de 6,5% ao ano;

-Qualquer redução na sua conta de energia, água, telefone, entre outras, baixará suas despesas, logo aumentará suas receitas;

-Viva sua realidade, não se deixe levar pelo modismo e até mesmo pelos seus olhos que por natureza são impulsivos;

Estou disponibilizando no link abaixo uma planilha do Excel que criei para gerenciamento do nosso orçamento, ela é bem simples de usar e agora vou dar uma resumida para vocês entenderem melhor:
* Antes de qualquer coisa, vocês irão renomear toda planilha conforme sua vida financeira (importante dizer que somente renomear, pois se mudar uma fórmula se quer, não irá funcionar no final);
* Na parte superior, adicione os valores das suas receitas em seus devidos campos;
* Abaixo das receitas, irão notar que do lado direito e esquerdo da planilha tem a mesma descrição das despesas, porém, do lado direito é o valor em débito,  no lado esquerdo, somente será lançado o mesmo valor, quando este for debitado e automaticamente a planilha vai baixando estes débitos.
* Notem que no final da planilha está assim: Total de Despesas = o que literalmente se deve; Despesas a pagar = é o que ainda falta ser pago; Saldo para Investimento = Se em sua planilha der positivo, meus parabens, você está no caminho certo, caso contrário, tente praticar as dicas citadas acima;

Agora é só clicar no link abaixo, digitar o código gerado pela página, clicar em baixar arquivo, aguardar os segundos e irá aparecer o download comum para baixar.
Se tiver alguma dúvida sobre o funcionamento da planilha ou mesmo o processo do download, deixe um comentário com seu email, posteriormente a Lígia me avisa e entro em contato com você para ajudá-la.
Um abraço a todas, muito obrigado pela atenção e uma ótima vida financeira, Marcelo Mendonça


PS.: Obrigado pelo convite amor, te AMO pra sempre e mais um dia!!!

2 comentários:

Ich, Hausfrau disse...

Muito bom esse post! bem informativo! manter o orçamento no azul num é nada fácil! valeu pelas dicas! abs

Larissa L. disse...

Olá Marcelo e Ligia!
Adorei as dicas! Tenho uma planilha mas quase nunca atualizo (peço perdão!)
Bj e bom final de semana,